Patrocínio Logo TV Alterosa
Euro R$ 6,45
Dólar R$ 5,68
Sol com muitas nuvens. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
Belo Horizonte
26º 18º

Prêmio Mulheres Rurais – Espanha Reconhece tem inscrições prorrogadas

Segundo a ONU, as mulheres correspondem a 43% da mão de obra agrícola no mundo

(Foto: Reprodução Agência Minas Gerais)
Guto Moreira
5 de janeiro de 2022
compartilhe

As inscrições para o Prêmio Mulheres Rurais – Espanha Reconhece foram prorrogadas até o dia 31 de janeiro por meio do site www.premiomulheresrurais.com.br. Podem se inscrever iniciativas de coletivos de mulheres de qualquer lugar do Brasil que promovam a autonomia econômica das mulheres rurais (sejam agricultoras, pescadoras, apicultoras, extrativistas, indígenas, quilombolas) e soluções inovadoras empreendidas por elas para o bem-estar de suas famílias, organizações e comunidades.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), as mulheres correspondem a 43% da mão de obra agrícola no mundo.  No geral, as mulheres no campo têm mais dificuldade de acesso à terra, ao crédito e a cadeias de alto valor, essenciais para sua subsistência e para o bem-estar das comunidades.

O prêmio

Lançado em outubro de 2020, o prêmio é uma realização da Embaixada da Espanha no Brasil em parceria com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) e a ONU Mulheres, e conta com o apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI), do Serviço Social do Comércio (Sesc) e da Associação Brasileira das Entidades Estaduais de Assistência Técnica e Extensão Rural (Asbraer).

O objetivo é reconhecer experiências que incentivem autonomia econômica de mulheres rurais para promover a igualdade de gênero, aumentar a visibilidade da mulher rural e reconhecer a diversidade como matriz do desenvolvimento econômico, social e cultural.

Serão classificados e premiados três projetos de dez finalistas. O primeiro lugar receberá R$ 20 mil; o segundo, R$ 10 mil; o terceiro, R$ 5 mil. A premiação está prevista para 8 de março. Além da premiação em dinheiro as três experiências mais bem pontuadas irão receber:

– Acompanhamento e assistência técnica ao empreendimento – por parte da ASBRAER/RURAL COMMERCE;

– Um notebook HP;

– Um ano de uso gratuito da Plataforma Rural E-commerce

As dez experiências finalistas receberão:

– Um curso, na modalidade ensino à distância, voltado para o Empoderamento pessoal e econômico das mulheres rurais – por parte da OEI;

– Publicações técnicas das instituições promotoras relacionadas às questões de gênero;

– Certificado de reconhecimento internacional.

compartilhe