Patrocínio Logo TV Alterosa
Euro R$ 6,33
Dólar R$ 5,61
Céu nublado com possibilidade de garoa de manhã. Aberturas de sol à  tarde e pancadas de chuva. À noite o tempo abre.
Belo Horizonte
25º 17º

Valor da produção agropecuária brasileira deve crescer 10% em 2021

Minas Gerais é o quinto estado com maior participação no Valor da Produção Agropecuária, respondendo por mais de 10% do total

Valor da Produção Agropecuária Brasileira deve crescer 10% este ano. (Foto: Mapa)
Ricardo Miranda
21 de novembro de 2021
compartilhe

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou a estimativa do Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2021. O valor deve chegar a R$1,119 trilhão, um crescimento de 9,9% na comparação com o do ano passado, que foi de R$ 1,019 trilhão. O VBP é um dos indicadores do desempenho da agropecuária, calculado com base na quantidade produzida e no preço recebido pelo produtor.

Dados do Mapa mostram que as lavouras cresceram 11% no Brasil. (Foto: Mapa)

O levantamento da Secretaria de Política Agrícola do Mapa mostro que as lavouras cresceram 11% e a pecuária 6,2% em 2021. Com esse aumento, as lavouras representam 68% do total do VBP e a pecuária 32%. Os dados também mostram o desempenho de algumas atividades agrícolas. “Um grupo de produtos composto por algodão, café, milho, soja e trigo, apresentam neste ano o maior valor do VBP desde 1989, 32 anos”, informa a nota técnica do Mapa.

Desempenho por setores

Na agricultura, o algodão, arroz, café, cana de alugar, milho e soja apresentaram os melhores desempenhos. Juntos, esses produtos respondem por 87% do VBP das lavouras. Por outro lado, as plantações de banana, batata-inglesa, feijão, laranja, mandioca e amendoim apresentaram queda no valor de produção.

Produção de carne bovina apresentou bom desempenho. (Foto: Mapa)

Na pecuária, a carne bovina e a de frango são as que mais tiveram crescimento do VBP, principalmente por conta dos bons resultados no mercado interno e também nas exportações. De janeiro a outubro de 2021 as vendas externas de carne bovina geraram faturamento de US$ 16,89 bilhões e as de carne de frango US$ 6,2 bilhões. A produção de suínos e de ovos tiveram redução do VBP, segundo o Mapa.

Entre os estados, Mato Grosso, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul lideram a lista, respondendo juntos por 62,6% do VBP brasileiro. Minas Gerais aparece em quinto lugar no ranking, com 10,2% do total.

Veja abaixo o ranking por estados:

Ranking mostra a participação de cada estado no VBP. (Fonte: Mapa)

compartilhe