Patrocínio Logo TV Alterosa
Euro R$ 5,25
Dólar R$ 4,98
Sol, com pancadas de chuva de manhã e muitas nuvens à tarde. À noite, tempo firme.
Belo Horizonte
24º 15º

Turismo rural: produtores se capacitam na Serra do Brigadeiro

Os cafeicultores querem investir também no turismo para ampliar a renda familiar

alunos na serra.
Alunos na Serra do Brigadeiro, durante o curso do Senar. (Foto: Divulgação)
Washington Bonifácio
17 de maio de 2022
compartilhe

O Sindicato de Produtores Rurais de Viçosa, o Instituto Estadual de Florestas (IEF) e o Senar deram uma capacitação para doze pessoas, no Parque Estadual Serra do Brigadeiro, em Araponga. Esses alunos são produtores rurais da região que puderam aprender sobre a Arte de Conduzir em Trilhas e Roteiros.

O gerente do Parque, Francisco José de Oliveira Ramos, destacou que os participantes do treinamento são moradores do entorno e já se envolvem com atividades ligadas ao turismo rural. Para ele, o curso foi uma oportunidade de prepará-los para prestar serviços com mais segurança e conhecimento.

“Vamos continuar a formação dessa turma, em parceria com o SENAR, oferecendo também o curso de primeiros socorros, e outros que colaborem para a capacitação completa dessas pessoas. Com isso, todos ganham. Os turistas, os trabalhadores e o turismo da região”.

Alunos na frente de casarão

Os alunos aprenderam a identificar as potencialidades turísticas do local. (Foto: Divulgação)

Produtores fazem planos

Bruna da Silva trabalha no Parque Serra do Brigadeiro e revelou que a formação vai ajudar na forma como recebe os turistas. Ela que também é produtores de cafés especiais em Fervedouro, contou que o desejo de investir no turismo rural na sua propriedade aumentou depois do curso. “Saí cheia de ideias. A instrutora Fernanda Correa disse uma frase que me marcou e incentivou muito: ‘nós trabalhamos com sonhos’. Quero seguir colocando esse conhecimento em prática”.

Para Leomir de Oliveira Ribas, o curso foi mais uma oportunidade de aperfeiçoamento para ele que ingressou este ano no segmento. Em janeiro em empresário inaugurou a Pousada e Restaurante Recanto da Serra, localizada em frente Pico da Pedra do Pato, em Miradouro. “Foi um curso excelente. O conhecimento tanto teórico quanto prático vai ser de grande valia para nós que moramos no entorno do Parque. Todos ficaram muito satisfeitos”, comentou.

Curso Arte de Conduzir em Trilhas e Roteiros, em Araponga. (Foto: Divulgação)

Parceria para o desenvolvimento

O assessor do Núcleo de Projetos Especiais do IEF, Daniel Marques explicou que o treinamento contempla as ações que fazem parte do Programa de Concessão de Parques Estaduais (Parc) lançado pelo governo de Minas Gerais, em 2019.

Daniel destacou que a parceria com o Sistema FAEMG serve exatamente aos propósitos da iniciativa, que prevê a geração de emprego e renda, ampliação dos recursos humanos e financeiros empregados na conservação ambiental e sensibilização da sociedade quanto a importância de manutenção das áreas verdes para a qualidade de vida.

Este programa permite o credenciamento de pessoas que queiram atuar como condutoras de visitantes nas Unidades de Conservação do Estado, e para isso elas precisam de formações prévias, que são oferecidas pelo SENAR, como o curso que aconteceu em Araponga.

“O SENAR tem capilaridade, qualidade e agilidade na oferta dessas formações obrigatórias e tem como público principal as pessoas que nós também queremos alcançar. Acreditamos que o melhor profissional para fazer esse trabalho nos parques seja morador da localidade que já tem um conhecimento prévio sobre as Unidades”, pontuou Daniel.

Ao todo, o IEF vai realizar concessões e parcerias em 20 Unidades de Conservação estaduais, e Daniel informou que as articulações com o Sistema FAEMG e Sindicatos locais serão buscadas em todo o estado para a qualificação de profissionais. Além de Araponga, que já tem cursos agendados para treinamento de moradores do entorno do Parque Serra das Araras, no noroeste de Minas.

 

compartilhe